3.4.5.1. Propriedades do Solo de Aterro

O solo usado no aterro deve ter propriedades mínimas que assegurem a adequada transferência de tensões solo-reforço, e ofereça resistência ao arrancamento do reforço.

A durabilidade do sistema de reforço depende diretamente das propriedades do solo de aterro. Para estimativa do grau de degradabilidade do reforço deve-se conhecer o pH do solo, a resistividade e a concentração de cloretos e sulfatos.

As propriedades que são geralmente requeridas para a estabilidade interna de uma estrutura de solo reforçado incluem pH, resistividade, cloretos, sulfatos, distribuição granulométrica, índice de plasticidade, ângulo de atrito, coesão e peso específico. Deve ser realizada uma avaliação de como essas propriedades podem mudar durante a vida de serviço da estrutura.