2.6.1. Granulometria

Christopher et al. (1990) recomendam que o solo do aterro reforçado tenha as características mostradas na Tabela 2, obtidas no ensaio de granulometria. Contudo, a prática brasileira tem mostrado que o uso de solos tropicais é especialmente conveniente para a execução de estruturas de solo reforçado devido à elevada coesão e baixa permeabilidade desse tipo de solo quando adequadamente compactado.

A dimensão máxima do agregado deve ser limitada a 19 mm, se não for realizado ensaio para avaliar a redução de resistência do geossintético devido aos danos de instalação. Em qualquer obra devem ser aplicados à resistência à tração fatores de redução, para levar em conta os danos de instalação, em relação as dimensões e angularidade das partículas maiores que 19 mm.

A definição das propriedades de resistência ao cisalhamento total e efetiva torna-se mais importante à medida que a porcentagem que passa na peneira 0,075 mm aumenta. Da mesma forma, o projeto de drenagem e filtração é mais crítico.