3.4.4.3. Verificação da Capacidade de Carga do Solo de Fundação

A distribuição de pressões típica na base de uma estrutura de solo reforçado é mostrada na Figura 24a. Para esta verificação pode ser utilizada a capacidade de carga qr, baseada na distribuição de Meyerhof, mostrada na Figura 24b.

A capacidade de carga atuante qr deve ser comparada com a capacidade de carga máxima do solo de fundação:

A capacidade de carga máxima qmáx do solo de fundação pode ser avaliada pela equação de Terzaghi e Peck (1967) para uma fundação corrida:

Para fundação constituída por solos finos e carregamento não drenado, a capacidade de carga deve ser calculada por:

O fator de segurança contra a ruptura do solo de fundação FSf, em ambos os casos não drenado e drenado, deve ser: